Tecnologia e sustentabilidade. É possível coexistir

De 13 a 15 de agosto, a cidade de São Paulo recebeu mais de 400 profissionais no 5º; CPNutri Congresso Paulista de Nutrição, promovido pela APAN – Associação Paulista de Nutrição. O evento tem como objetivo trazer informações sobre temas atuais a profissionais e estudantes da área, estimulando a reflexão e a busca por alternativas e aconteceu no auditório do Centro Universitário São Camilo. Um dos convidados a compor a mesa redonda do dia 13, que teve como tema Sustentabilidade, foi o engenheiro Dimas Rodrigues de Oliveira, proprietário da Nucleora – Projetos para Cozinhas Profissionais.
 
Antes de iniciarem o debate, Maria Cristina Rubin Camargo, docente do curso de Nutrição do Centro Universitário e especialista em administração, fez uma explanação sobre a ISO 14000, que estabelece diretrizes na área de gestão ambiental dentro de empresas. A apresentação de Dimas se pautou no detalhamento do que um nutricionista pode fazer dentro de uma unidade de Alimentação, mesmo quando o projeto inicial não tenha levado em consideração o conceito de sustentabilidade. Na sequência, o mediador Wellington Donizeti Popolim abriu espaço para que os participantes tirassem suas dúvidas.
 
“De um modo geral, as pessoas gostaram da forma que apresentei o assunto, mostrando que nada está totalmente formatado e que cada ideia deve ser levada em consideração, pois é a soma de cada coisa que se vai levar ao todo que teremos que prever para o futuro”, diz o engenheiro.
 
A nutricionista Simone Valvassori, consultora em serviços de alimentação e nutrição, participa ativamente das ações realizadas pela APAN, em que atua como colaboradora. Presente ao Congresso, ela ressalta a preocupação que a Associação tem em trazer palestrantes conceituados ao evento. “Acredito que esta parceria nos trabalhos entre o nutricionista e o engenheiro é de suma importância para nossa realidade e os questionamentos diários dentro dos serviços de alimentação.”

Um dos projetos em que a consultora trabalha foi elaborado por Dimas. “Com o processo adotado e o projeto elaborado estamos conseguindo uma operação mais inteligente, otimizando recursos e, principalmente, contribuindo para a satisfação do cliente, que sempre é o primeiro a perceber e sentir as mudanças”, destaca.
 
Segundo Simone, mais do que apresentação de conceitos e normas, a palestra do engenheiro foi um momento de reflexão. “Acredito que cada participante vai começar a olhar seu local de trabalho de uma forma diferente, reconhecendo que existem pessoas de várias áreas que podem nos ajudar a evoluir, melhorar nossos espaços produtivos, otimizar operações, preservando e minimizando impactos ambientais.”

Para conferir a programação do Congresso, clique aqui.


Nutrição e tecnologia

Ainda em agosto, em comemoração ao Dia do Nutricionista (31/8), no dia 26, Dimas participou de outro evento: o Painel Nutrinews. Promovido pela Revista Nutrinews, foi realizado no SESC Paulista. “Pediram que eu falasse de tecnologia e tendências em Sistemas de Alimentação. Optei por fazer uma linha temporal da tecnologia, começando com a descoberta do fogo e posteriormente o controle que o homem conseguiu sobre ele. Com a evolução da inteligência, começamos a experimentar outras formas de como nos alimentar. Depois, fiz um caminho pela tecnologia da idade média, o forno à lenha, até hoje utilizado em várias partes do mundo. No final, tratei das inovações, pontuando que toda a tecnologia nesta área está voltada a economizar água, energia elétrica e consumir menos detergente”, detalha.

Alguns clientes da Nucleora participaram do evento, entre eles a Nutricionista Mariana Mortean Pucci, do Grupo Santander Brasil. “O tema abordado pelo engenheiro Dimas nos fez refletir o quão importante a tecnologia é para o nosso meio e, principalmente, para o desempenho de uma operação. Essa foi também a principal característica do projeto realizado por ele. Teremos equipamentos com tecnologia de ponta”, ressalta.
 
A Nutricionista Glauce Gravena, coordenadora de Nutrição da Johnson & Johnson, defende que eventos como este são de suma importância. “Além de reencontrar amigos, também é um momento de reflexão, conforme comentado pelo Dimas, sempre podemos fazer diferente e melhor do que estamos fazendo hoje. Não temos como viver sem tecnologia, mas precisamos do conhecimento para utilizar tudo que esta ferramenta pode nos oferecer. Não adianta ter um forno de última geração se não sabemos tirar maior proveito deste equipamento.”

Ela conta que no projeto desenvolvido para a Johnson Dimas levou em consideração além de uma tecnologia de ponta a sustentabilidade. “Não podemos esquecer do nosso planeta. Ele soube transformar todas as queixas dos funcionários em oportunidades de melhorias para o novo projeto, transformando o local em um ambiente agradável tanto para os funcionários do restaurante como para os clientes. E só conseguimos isso através da tecnologia.”
 
Data: 28/8/2009
Texto: Juliana Rocha Barroso
Jornalista profissional – MTB: 42238/SP

 

Vídeo Institucional

Cozinha Profissional TV - 16/04/2012

 

Facebook

 

Twitter

 

NUCLEORA Cozinhas Profissionais - Todos os direitos reservados
São Paulo - SP | Tel.: 11.3266.8899 | nucleora@nucleora.com.br